Google+ Followers

domingo, 20 de julho de 2014

Fábrica é impedida de produzir bombas após explosão


Santo Antônio do Monte/MG - A fábrica de fogos de artificio Globo, em Santo Antônio do Monte, no centro-oeste do Estado, onde ocorreu uma explosão na última terça-feira (15) que matou quatro mulheres, está impedida de produzir novos explosivos. A decisão foi tomada pela seção de Saúde e Segurança do Trabalho da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Minas Gerais. De acordo com o chefe do setor, Francisco Alves dos Reis Júnior, a atividade foi interditada na empresa

Fonte: R7 


 Júnior explica que para reestabelecer a produção, a fábrica terá que passar por nova avaliação do Ministério do Trabalho depois que o setor, que foi destruído pelo acidente, for ree
Foto: Jornal cidade mg
rguido. Até o momento, a superintendência já levantou algumas irregularidades que dão pistas sobre as causas da explosão. Ele ressalta que "não existe acidente de causa única" e que vários fatores podem ter contribuído para desencadear a tragédia.

- Algumas coisas já foram verificadas. Temos indícios de que o setor guardava uma quantidade de explosivos acima do permitido. Mas a questão da umidade na cidade também pode ter contribuído para o que aconteceu.

O chefe da seção ainda aguarda, no entanto, receber uma série de documentos que vão auxiliar nas investigações do fato. Segundo ele, a empresa deverá ser multada. Cada irregularidade cometida pela fábrica pode ser punida com pagamento de R$ 600 a R$ 4.000.

A Polícia Civil pediu uma perícia complementar do galpão onde ocorreu a explosão. O delegado responsável pelo caso, Lucélio Silva, já ouviu o sobrevivente do acidente, que relatou que o fogo teria começado no setor conhecido como "bicação", onde são colocados os bicos dos foguetes. Outras pessoas ligadas à empresa também prestaram depoimento. Um perito especializado na área, formado em engenharia de Minas, foi chamado para avaliar o local.

O caso
O acidente aconteceu na última terça-feira (15),  por volta de 7h30. Ainda não se sabe as causas da explosão e, de acordo com o Corpo de Bombeiros, a empresa estava com toda a documentação regularizada junto à corporação. Um homem ficou ferido, foi socorrido para o hospital e já recebeu alta.

A reportagem entrou em contato com a empresa que informou que não vai se pronunciar sobre o fato. Duas vítimas foram sepultadas ontem (16), no Cemitério Municipal de Santo Antônio do Monte.