Google+ Followers

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Operário encontrado morto em Santo Antônio era do Maranhão

POLICIA4-BARRAGEM ACIDENTE
A Polícia Técnico-Científica (Politec) de Laranjal do Jarí, na região Sul do Amapá, identificou como sendo de Tancredo Coelho de Souza Silva, 29 anos, o corpo de um dos quatro operários que desapareceram após a quebra de uma contenção da hidrelétrica de Santo Antônio do rio Jarí, ocorrida na madrugada do último sábado.

A vítima estava com os outros três operários dentro da casa de força quando houve o rompimento da parede que fazia o desvio do rio. A sirene de alerta chegou a soar. A casa de força ficava há cerca de um quilometro do local onde a parede construída com pedras e barro estourou.

Apesar da distância, a força do rio fez com que as águas chegassem rapidamente ao local deixando as vítimas presas no fundo da casa de força. Tancredo era mara-nhense, casado e estava trabalhando como soldador na obra. 

A Cesbe S.A. Engenharia e Empreendimentos, que compõe o consórcio da obra, afirmou que o corpo do operário seria transladado ainda na manhã de ontem para a cidade de Buriti Bravo (MA) onde ele morava com a família. A empresa diz que as buscas aos demais operários continuam, e que nesse momento não se pronunciará sobre indenizações aos familiares dos quatro trabalhadores vitimados na tragédia.
Fonte: Diário do Amapá