Google+ Followers

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Após 18 anos, Caesa recupera o Sistema de Abastecimento de Água no bairro Provedor II, em Santana

Obras feitas no sistema do bairro Provedor II recuperaram a rede de distribuição que estava precária, ampliando o fornecimento a todas as residências
Na tarde desta quinta-feira, 18, o Governo do Amapá ampliou o fornecimento de água tratada no município de Santana com a inauguração de mais um Sistema de Abastecimento de Água do bairro Provedor II.

Há 18 anos convivendo com a ausência de água tratada, os moradores comemoram os novos serviços e relataram os inúmeros contratempos para usufruir do líquido. A dona de casa Ivania Lopes, moradora há dez anos do bairro, informou que era necessária a cooperação daqueles que mantinham poços artesianos para fornecer água à comunidade.

"Eu tenho poço e lembro que as pessoas faziam filas para pegar água, entre eles idosos, mulheres e jovens. Todo mundo andava com os baldes na cabeça e era comum longas mangueiras para puxar água de outros pontos. Era uma imagem muito triste e revoltante, mas hoje todos estão felizes", disse.

De acordo com o diretor-presidente da Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa), Ruy Smith, as obras feitas no local recuperaram a rede de distribuição que estava precária, ampliando o fornecimento para todas as residências. No entanto, conforme explicou, as encanações apresentaram vários vazamentos devido a anos de ausência dos serviços.

"Antes não havia vazamentos porque não tinha água, mas isso é questão simples que estamos resolvendo, mas o mais importante é que a água está caindo nas torneiras dos moradores, que antes enfrentavam um desgaste enorme para usufrui-la. O Governo do Amapá, com recurso próprio, iniciou a recuperação do local que estava completamente abandonado e sucateado", relatou.
As obras iniciaram ainda este ano, com a recuperação do elevado e da rede de distribuição, perfuração de um novo poço e interligação do sistema à linha tronco do sistema central. Os investimentos do Estado foram na ordem de R$ 179 mil.
O carpinteiro Raimundo Silva, há 8 anos no bairro, ressaltou que os gastos com mangueiras e baldes marcaram uma época de dificuldades, na qual era preciso entrar em filas para ter acesso à água.

"Passamos por muitos apertos, dependíamos daqueles que tinham poços e ainda pagávamos para possuir a água, foi bastante tempo sofrendo com a situação e nenhum governo se preocupava com essa realidade. Mas hoje é só alegria, meus filhos, pela primeira vez, tomam banho de chuveiro em casa e só temos a agradecer pelo esforço e compromisso do Estado", destacou.
Para o senador João Alberto Capiberibe, a obra é mais um compromisso com a população santanense e uma demonstração de que a ampliação do fornecimento de água no município vai chegar a 100%.

"Vamos universalizar o tratamento de água em Santana, aumentar a capacidade de produção para todos os munícipes. Nos resta ainda inaugurar os sistemas do bairro Paraíso, Fonte Nova e a adutora do Igarapé da Fortaleza, porém, com trabalho e compromisso, é possível afirmar que a água vaio chegar para todos", afirmou.
Investimentos
A obra é parte dos investimentos em saneamento básico anunciados pelo Governo do Amapá em Santana, que somam cerca de R$ 20 milhões.
Em Santana, a Caesa mantém obras para aumentar o sistema de produção, passando de 600 metros cúbicos para 1.700 metros cúbicos. A Companhia pretende universalizar a água em Santana, a exemplo do que ocorreu em Vitória do Jari e em comunidades de alguns municípios como Mazagão e Cutias.
O diretor Ruy Smith confirmou para a próxima semana a inauguração do Sistema de Abastecimento do bairro Igarapé da Fortaleza.
"É bom frisar que já dobramos a capacidade de fornecimento de água em Santana, e no bairro Igarapé da Fortaleza estamos em fase de testes para podermos inaugurá-la na próxima semana", anunciou.
Fonte: Agência Amapá