Google+ Followers

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Sema realiza oficina de capacitação sobre Plano de Gestão Integrada de Resíduos

Discutir com os prefeitos e secretários de Meio Ambiente novas estratégias para a construção do Plano Estadual de Resíduos Sólidos, foi o objetivo da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) ao realizar a oficina de capacitação sobre Plano de Gestão Integrada de resíduos. O evento ocorreu nesta quarta-feira,10, no auditório da secretaria.
"No dia 2 de agosto encerrou-se o prazo dado pelo Governo Federal para que as prefeituras fechassem os seus lixões. Para podermos avançar, o Estado vai auxiliar as prefeituras nas tarefas de diagnóstico e elaboração dos planos", afirmou o secretário de Meio Ambiente do Amapá, Oberdan Mascarenhas Andrade.
Durante a oficina, a analista mmbiental da Sema, Renata Serafim, falou sobre o Conceito de resíduos sólidos; Classificação e origem dos resíduos sólidos; Tratamento e disposição final dos resíduos sólidos e Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos com o intuito de mostrar às prefeituras os caminhos para elaboração e/ou implementação do plano de resíduos sólidos.
De acordo com a analista, recurso financeiro e capacidade técnica foram os questionamentos mais levantados pelos secretários municipais e prefeitos. Os municípios, além de não terem dinheiro para elaborar os seus planos, a maioria deles é desprovida de técnicos.
Renata Serafim disse, ainda, que a finalidade da apresentação foi esclarecer as principais dúvidas em relação à elaboração do plano e mostrar aos prefeitos soluções para as problemáticas dos municípios.
Segundo o gerente da Agenda Marrom, Newton Marcelo dos Santos, a oficina foi para estabelecer uma agenda positiva com as prefeituras, com foco no Plano Municipal de Resíduo Sólido. Na próxima semana, a equipe técnica da Sema, juntamente com a Promotoria de Justiça do Meio do Ambiente, Conflitos Agrários, Habitação e Urbanismo de Macapá (Prodemac), visitará os 16 municípios para fazer o diagnóstico, levantando a situação de seus resíduos.
O gerente considerou a oficina foi muito proveitosa porque, das 16 prefeituras, dez compareceram. Isso mostra o interesse dos municípios em resolver o problema dos resíduos sólidos nos seus municípios.

Texto: Agência Amapá